Um pouco mais sobre o ideal e o real

+ Ver comentários



A expressão "ideal de polis" remete à discussão que alguns levantam entre o ideal e o real. A imagem de polis que temos em mente é idealizada: todos os cidadãos vivendo em koinonia ("comunhão"), ausência de desigualdades e autonomia política. No entanto, entre o ideal e a realidade havia uma grande distância, até mesmo durante a época clássica, apogeu da polis, pois era muito difícil ser realizada plenamente. À medida que a cidade ia crescendo, era mais frequentemente ameaçada por conflitos sociais e políticos (stasis).

Em face das dificuldades que atormentavam a polis no século IV a.C., três palavras ganharam destaque: dike ("justiça"), eunomia ("ordem") e eireine ("paz"), e assim se inicia a filosofia política de qual seria a melhor maneira de assegurar esses valores à sociedade. Será que haveria uma forma de melhorar as coisas, quando tudo parece ir de mal a pior? Essa é a grande reflexão de Chevallier que será bem tratada por Platão em "O Político".