Filmes do início de 2013

+ Ver comentários

Mesmo sem tempo, tenho assistido muitos bons filmes: aos sábados de manhã, às vezes não consigo descansar tanto quanto quero, mas aí acordando, prefiro começar bem o final de semana assistindo algum "filme de menininha" - nos últimos dois casos, me surpreendi muito e essa é a motivação de eu escrever esse post! Demorei, mas finalmente assisti Becoming Jane - e não teve filme melhor para mim!


O filme conta as aspirações de uma mente livre em um contexto de perspectivas muito restritas - em especial, nas limitações de todos os amores impossíveis, fadados a não (poder) ser; vemos a vida como ela é, ao mesmo tempo que vemos Jane Austen sofrendo poeticamente - "oh, you won't marry without affection and you can't marry with affection!":

- Will all your stories have happy endings?
- My characters will have,
after a little bit of trouble,
all that they desire.
- How does the story begin?
- Badly.
- And then?
- It gets worse.
With, I hope, some humour.
- How does it end?
- They both make triumphant, happy endings.
- Brilliant marriages?
- Incandescent marriages
to very rich men.
But no such happy marriage
could now teach the admiring multitude
what connubial felicity really was.

E sim, inspirada por esse, eis a lista de todos os outros filmes bons de 2013!!!


  • Les Misérables, lindo, maravilhoso e muito bem feito - mas tem que gostar e ter disposição para musicais!!! ;)
  • A Royal Affair, foi o outro filme que me surpreendeu - achava que apenas iria ser um filme de menininha, mas possui uma reflexão muito interessante;
  • No Reservations: Here is a love story that ends, and they cooked happily ever after. :)
  • Lincoln, Django e entre tantos outros bons que entraram em cartaz no mesmo período!
  • Filmes em casa com o amado, vale citar Looper e Frequently Asked Questions About Time Travel e Children of Men (!!!)
  • Silver Lining, vou assistir amanhã!
  • Amor, que até hoje deixa minha mãe consternada - indiquei, mas não assisti!
  • Anna Karenina, estou esperando por esse enquanto almejo ler o livro!
  • Cloud Atlas já comentei, não vale! ;)
  • Life of Pi, muito bonito e com uma certa perplexidade;
  • La Bohème, ópera - não vale na lista de filmes, mas como a assisti ao vivo da Royal Opera House pelo Cinemark...

Fugindo da lista de filmes, vale a pena que ressaltar West Wing é para todas as horas (e melhor do que muitos filmes). Fui dar uma chance para uma outra série de lobby político, Political Animals, mas não chega nem aos pés de West Wing!